Ser criança é ir à escola, ter amigos de montão : a escrita da infância em seu "ofício de aluno"

DSpace/Manakin Repository

Ser criança é ir à escola, ter amigos de montão : a escrita da infância em seu "ofício de aluno"

Show full item record

Title: Ser criança é ir à escola, ter amigos de montão : a escrita da infância em seu "ofício de aluno"
Author: Heinkel, Dagma
Abstract: Esta dissertação de Mestrado em Educação nas Ciências “A escuta da infância em seu ofício de aluno”, busca destacar a infância enquanto ator social, através da visibilidade das vozes da criança do 1º ano à 4ª série da Educação Básica que vive a sua infância no cotidiano de uma escola da rede privada de ensino. Trata-se de uma pesquisa em torno das concepções de “ofício de aluno” e “ofício de criança”, com base na Sociologia da Infância, mais especificamente em Regine Sirota (2001, p.15). Autores como Sarmento, Sarmento & Pinto, Narodowski, Rousseau, Ariès, Larrosa, Corsaro, dentre outros, articulam e mobilizam momentos ímpares de reflexões na tessitura desta pesquisa. A escuta das vozes da infância contemporânea institucionaliza é um desafio para as práticas pedagógicas nos anos iniciais do ensino. Os caminhos metodológicos que construí para esta pesquisa são qualitativos, sendo que a escuta da palavra da criança na escola em seu “ofício de aluno” e “ofício de criança” é construída através de observações diretas nos momentos do recreio, com registros no diário de campo, nas entrevistas estruturadas, nas fotos, no recolhimento de vozes gravadas, nos desenhos e poesias espontâneas das crianças e em alguns recortes de jornais e revistas que tratam das vivências e experiências da infância de hoje. Este estudo aponta a importância da disponibilidade de escuta do adulto para a sensibilidade dos ditos e não ditos da infância se vendo e se percebendo no contexto escolar, assinalando a importância de considerar as necessidades e especificidades da infância e seus modos singulares de apreensão e ressignificação do mundo que a cerca, no (com) partilhamento de saberes construídos nas relações de estar entre iguais, no reconhecimento do sujeito social que ela já é, e que dizem da beleza dos seus muitos modos de interação e socialização.
Description: 141 f.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/577
Date: 2012-02-28

Files in this item

Files Size Format View
DISSERTAÇÃO FIN ... - ENTREGAR PARA UNIJUI.pdf 6.810Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account