O modelo do cérebro triúnico em interface com a psicanálise e outras teorias tripartites da mente

Show simple item record

dc.contributor.author Garbinato Junior, Dorival
dc.date.accessioned 2019-02-22T17:40:07Z
dc.date.available 2018
dc.date.available 2019-02-22T17:40:07Z
dc.date.issued 2019-02-22
dc.identifier.uri http://bibliodigital.unijui.edu.br:8080/xmlui/handle/123456789/5719
dc.description 245 f. pt_BR
dc.description.abstract A temática deste trabalho focaliza “O modelo do cérebro triúnico em interface com a psicanálise e outras teorias tripartites da mente”. A questão fundamental que orienta a investigação é: “Afinal, o que querem os humanos?” Trata-se de uma pesquisa bibliográfica sobre a etiologia dos conflitos internos que acometem os humanos e que nos levam a tomarmos decisões irracionais sem sabermos o motivo. Descrevemos conceitos da Teoria do Cérebro Triúnico (1990 [1970]), de Paul D. MacLean, e da teoria psicanalítica (mais especificamente freudiana e lacaniana), com ênfase no estudo de artigos sobre a aplicação do modelo macleaniano à psicologia infantil, sobre as hierarquias neurais e mentais e sobre uma outra proposta de integração entre a psicanálise e a neurologia. Investigamos a possibilidade da integração da Triune Brain Theory (1990 [1970]) com a psicanálise e com outras teorias triárquicas da mente localizadas nas psicologias, nas literaturas, nas mitologias, nas filosofias e nas religiões. Com o auxílio da ferramenta hermenêutica, abordamos mais detidamente o novo rumo integrativo que vislumbramos no horizonte das diferentes teorias, que pode ajudar homens e mulheres (e até crianças) a lidar melhor com seus conflitos intrapsíquicos inerentes a todos nós, humanos. A título de exemplo dessa visão conciliadora, apresentamos a perspectiva de um psicoterapeuta brasileiro sobre o tratamento das fobias e dos medos. A resposta parece estar na própria pergunta – como sempre – porque sabemos que não sabemos bem ao certo o que queremos. Agora (após Freud e MacLean) sabemos ao menos que há razões bem reais para essas flagrantes contradições, incoerências e incongruências internas que carregamos conosco na condição de seres mortais (onto e filogeneticamente). De posse dessas informações privilegiadas, cabe a nós valorizarmos muito mais em nossas decisões essa instância racional de que somos dotados e que ainda é muito influenciável por drives de nossos centros cerebrais mais antigos e voltados aos instintos básicos e às emoções mamíferas. pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.subject Ciências Humanas pt_BR
dc.subject Psicologia pt_BR
dc.subject Cérebro Humano pt_BR
dc.subject Evolução pt_BR
dc.subject Teorias tripartites da mente pt_BR
dc.subject Cérebro triúnico pt_BR
dc.subject Psicanálise pt_BR
dc.subject Neurologia pt_BR
dc.subject Filosofia pt_BR
dc.subject Religião pt_BR
dc.subject Literatura pt_BR
dc.subject Mitologia pt_BR
dc.title O modelo do cérebro triúnico em interface com a psicanálise e outras teorias tripartites da mente pt_BR
dc.type TCC pt_BR
mtd2-br.advisor.instituation Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul pt_BR
mtd2-br.advisor.name Dias, Ana Maria de Souza


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account