A incapacidade do Estado em regular a liberdade de expressão na internet não indexada (DEEP WEB)

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2024-07-02
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Editor
Resumo
O presente trabalho de conclusão de curso, com o objetivo elucidativo, faz uma análise dos Direitos Fundamentais, sua positivação constitucional, no âmbito digital, visto que, as ferramentas tecnológicas se mantêm em constante evolução e a capacidade do estado em regular a liberdade de expressão é vista como falha. Analisa o anonimato como forma possibilitadora, caracterizando ato de resistência, para em locais da web, os usuários possam se conectar e expressar suas ideias. Aborda a jurisdição substituída e a atual, onde prevê forma de solução para o regulamento dos Direitos Fundamentais mas consequentemente a falta de regulação devido a evolução vertiginosa das ferramentas na web e, com isso, uma morosidade processual que vem provocando muitos questionamentos. Estuda as formas e dispositivos dispostos na web, que proporcionam o anonimato além do esperado pelo Estado. Faz uma breve análise das propostas legislativas e tece considerações sobre as mesmas. Finaliza concluindo que se deve priorizar a pacificação social e, diante dessa prioridade, a necessidade de criação de demais dispositivos legais, além de conceituar e trazer entendimento a respeito da atribuição demasiada dos Direitos Fundamentais aos usuários da rede e, com isso, o que pode causar. Palavras-Chave: Direitos Fundamentais; deep web; liberdade de expressão.
Descrição
51 f.
Palavras-chave
DIREITO/JURISPRUDÊNCIA::Outro Direito
Citação
Coleções